Parceria com a Siemens vai mapear pontos de redução de CO2 em Jundiaí

Publicada em 03/10/2017 às 16:13

Executivos da Siemens estiveram no Paço Municipal nesta terça-feira (03) para apresentar ao prefeito Luiz Fernando Machado e gestores a “City Performance Tool” (ferramenta de desempenho das cidades), que permite identificar áreas prioritárias nas quais os municípios devem investir a fim de obter ganhos ambientais, especialmente no que se refere à redução da emissão de CO2. A iniciativa faz parte do projeto desta gestão de tornar Jundiaí uma “cidade inteligente”.

Após a abertura do evento pelo Chefe do Executivo, o diretor do departamento City IT Applications, sediado em Londres, Tiago Barreira, explicou que a ferramenta proporciona diagnósticos nas áreas de energia, transporte e edificações que servem de direcionamento para as ações do poder público na regulação dessas atividades. “É possível escolher quais tecnologias utilizar dentre as mais de 70 disponíveis e quais as melhores soluções para os problemas identificados. A ferramenta considera as ‘megatendências’ atuais enfrentadas pelas cidades, como, por exemplo, alterações demográficas, climáticas e urbanização, entre outras”, pontuou.

Segundo Barreira, o diagnóstico permite mensurar qual seria o impacto da implementação de ônibus elétricos na frota do transporte coletivo ou da automação de edificações, apenas para citar alguns exemplos. “O relatório oferece uma série de soluções ao Município que quer se tornar mais sustentável e competitivo”, destacou. Na América do Sul, a ferramenta é utilizada atualmente por Buenos Aires. No Brasil, apenas Jundiaí e São Paulo conversam com a Siemens para formalização dessa parceria.

Segundo o gestor de Governo e Finanças, José Antonio Parimoschi, esse é um passo importante dentro do Programa Jundiaí Cidade Inteligente, que prevê diversas ações nos próximos anos para melhorar os serviços públicos e a vida cotidiana das pessoas na cidade. O próximo passo agora é oficializar um Termo de Cooperação entre a Prefeitura e a Siemens, sem custos para o município, para utilização da ferramenta.

“O relatório nos oferecerá um diagnóstico para que possamos estabelecer prioridades. É o primeiro passo de um projeto de longo prazo que visa  tornar Jundiaí mais competitiva, eficiente e sustentável”, destacou. “Em tempos de recursos escassos, é fundamental dispor de uma ferramenta que ajude os nossos gestores a adotar medidas e direcionar investimentos que tragam resultados efetivos para a população”, completou.

A City Performance Tool já foi utilizada em 23 cidades em todo o mundo, como Copenhague (Dinamarca), Londres (Inglaterra), Munique (Alemanha), Viena (Áustria), além de outras cidades na América do Norte e Austrália. “Cabe destacar que uma solução aplicada em uma cidade pode não ter o mesmo resultado em um problema semelhante de outro município. Isso reforça a importância do diagnóstico específico oferecido pela ferramenta”, comentou Barreira.

Assessoria de Imprensa

Fotos: Fotógrafos PMJ



Link original: https://saladeimprensa.jundiai.sp.gov.br/2017/10/03/parceria-com-a-siemens-vai-mapear-pontos-de-reducao-de-co2-em-jundiai/
Leia mais sobre , , , ,

Galeria de imagens desta notícia

Clique na imagem para fazer o download do arquivo na resolução original



Sala de Imprensa | Desenvolvido por CIJUN
www.jundiai.sp.gov.br