Cartilha de prevenção ao suicídio é lançada em evento

Publicada em 28/08/2017 às 16:53

O tema suicídio é tabu nas rodas de conversa, mas o problema é considerado epidemia mundial. Para colocar luz ao assunto, a Unidade de Gestão de Promoção da Saúde (UGPS) lança a Cartilha de Prevenção e Detecção do Suicídio durante o 2º Encontro de Valorização da Vida, que será realizado no dia 31, no Teatro Polytheama.

No mundo, 800 mil pessoas cometem suicídio todos os anos e, para cada caso fatal, há outras 20 tentativas fracassadas, segundo o coordenador de Saúde Mental, da UGPS, Alexandre Moreno Sandri. “O suicídio é hoje, no mundo, a segunda principal causa de morte entre jovens de 15 a 29 anos, perdendo apenas para os acidentes de trânsito. No Brasil, nos últimos 12 anos, houve aumento de 15,3% no número de suicídios entre jovens. A maior incidência é entre os homens – que têm 3,7 vezes mais chances de se matar do que as mulheres -. A diferença é atribuída a maior agressividade, maior intenção de morrer e o uso de meios mais letais”, detalha.

Em Jundiaí, de acordo com os dados da Vigilância Epidemiológica, nos últimos cinco anos, a média é de 20 mortes por suicídio ao ano. Destes, 73% dos casos eram homens. No entanto, essa taxa pode ser maior, por conta da subnotificação. “Não é possível identificar se um acidente de trânsito, por exemplo, não foi intencional”, analisa.

Ainda no município, segundo Sandri, as tentativas de suicídio também têm números expressivos. A intoxicação exógena (por exposição ou ingestão de substâncias químicas), especialmente entre mulheres jovens (de 15 a 39 anos) resultam em 65 notificações/ano nos últimos cinco anos. “Temos que falar sobre o assunto, que, muitas vezes não é comentado por vergonha. A cartilha é o resultado de um curso de capacitação e prevenção ao suicídio e será distribuída em diversos serviços públicos. O suicídio é questão de saúde pública. Uma epidemia calada”, comenta.

Evento

A Prefeitura de Jundiaí – em parceria com o Centro de Valorização da Vida (CVV) e várias outras entidades – realiza no dia 31, o “2º Encontro de Valorização da Vida – A Epidemia Calada”, que tem como objetivo debater sobre o tema e apresentar depoimentos de pessoas que enfrentaram o problema em suas famílias. Nesta data, a partir das 18h30, no Teatro Polytheama, o médico psiquiatra e pesquisador Fernando Fernandes comandará uma palestra sobre o tema. Ele é coordenador do Programa de Tratamento em Depressão e Transtornos do Humor do Instituto de Psiquiatria da USP. Além dele, outros palestrantes tratarão do assunto.

 

Assessoria de Imprensa

Fotos: Divulgação



Link original: https://saladeimprensa.jundiai.sp.gov.br/2017/08/28/cartilha-de-prevencao-ao-suicidio-e-lancada-em-evento/
Leia mais sobre , , ,

Galeria de imagens desta notícia

Clique na imagem para fazer o download do arquivo na resolução original



Sala de Imprensa | Desenvolvido por CIJUN
www.jundiai.sp.gov.br