Divisão Florestal é modelo para a criação do setor em outros municípios

Publicada em 24/07/2017 às 16:03

A Divisão Florestal é um dos setores mais atuantes e diversificados da Guarda Municipal de Jundiaí (GMJ). Foi criada com o objetivo de promover a conscientização mais ampla sobre a necessidade de se preservar o meio ambiente, em especial a Serra do Japi. Coordenada pelo inspetor Paulo Vicente Soares, a equipe formada atualmente por 30 patrulheiros ecológicos tem uma rotina diária ampla, pontual e efetiva ao que se propõe, com o policiamento ostensivo junto às áreas vulneráveis no que se refere às queimadas, e também em decorrência da queda de um balão.

Recentemente a Divisão Florestal recebeu a visita de representantes da Prefeitura da Estância Turística de Itu, interessados em conhecer os procedimentos para a futura instalação do setor naquele município: Raul Yglesias, chefe de gabinete da Secretaria Municipal de Segurança, Trânsito e Transportes; o subinspetor Clemente Bortoleto Filho, comandante da Guarda Civil Municipal de Itu; os GCMs 1ª Classe Maria do Carmo Carlos Pacheco, coordenadora de Ensino, 1ª Classe Alberto Rodrigues Moreira, encarregado de Atividades Educacionais, e 2ª Classe Reinaldo Aparecido Rodrigues Almendro.

Durante o encontro, o inspetor Soares – acompanhado pelo diretor do Núcleo de Inteligência em Assuntos de Segurança Municipal, Diógenes Torqueto Salas Júnior – explanou sobre os procedimentos relacionados ao setor, incluindo uma visita ao Posto Avançado (PA 11), instalado no Parque Residencial Eloy Chaves, para se conhecer in loco a rotina diária dos patrulheiros.

“O motivo dessa visita às instalações da Guarda Municipal de Jundiaí teve por finalidade a busca de informações com relação à Divisão Florestal, uma vez que a Prefeitura de Itu – por meio da Secretaria Municipal de Segurança – tem interesse na implantação desta unidade, o município possui uma vasta extensão rural e ambiental que merecem ser criteriosamente fiscalizadas. O trabalho realizado em Jundiaí é referência para que possamos nos orientar e garantir a preservação do meio ambiente a partir da conscientização de toda população”, declarou Raul.

Cabe ressaltar que intensificar a fiscalização na Serra do Japi, a partir do trabalho integrado com os demais órgãos de segurança, promover ações educativas e de vivência ambiental – com as crianças estudando de perto a reserva ecológica – , é o compromisso firmado pelo atual governo para garantir a sustentabilidade e melhor qualidade de vida para a população jundiaiense.

Assessoria de Imprensa GMJ

Fotos: GM Guerino



Link original: https://saladeimprensa.jundiai.sp.gov.br/2017/07/24/divisao-florestal-e-modelo-para-a-criacao-do-setor-em-outros-municipios/
Leia mais sobre , , , , ,

Galeria de imagens desta notícia

Clique na imagem para fazer o download do arquivo na resolução original



Sala de Imprensa | Desenvolvido por CIJUN
www.jundiai.sp.gov.br