Sexta no Centro volta com novidades

Publicada em 14/07/2017 às 19:40

A espera acabou. A Sexta no Centro está de volta. Ao som de muita MPB, um cardápio recheado de guloseimas e trabalhos produzidos por artesãos locais, a Praça Floriano Peixoto (Praça do Coreto) foi o local escolhido pelas Unidades de Gestão de Cultura (UGC) e Agronegócio, Abastecimento e Turismo (UGAAT) para abrigar o evento.

A mudança de endereço, novidade desta edição, parece ter agradado as amigas Andrezza Kauffmann, Dina Almeida e Karine Kauffmann. “Além de estar mais próximo do local onde trabalhamos, aqui as atrações ficaram mais próximas umas das outras, com ambiente agradável, comida e música boa”, revela Dina.

As apresentações culturais que passaram a acontecer no coreto dispensaram a contratação de estrutura de palco, o que reduz custos aos cofres públicos, sem comprometer a qualidade do evento. “Em um momento de contenção de gastos, toda economia que fizermos será bem vinda e poderá ser investida onde mais necessita. Só para exemplificar, se tivéssemos feito o evento na outra praça gastaríamos R$ 10 mil, que poderiam ser gastos em cinco shows oferecidos de graça para a população”, compara o diretor de Cultura, Marcelo Peroni.

No palco, Rodolfo de Neguinho deu o tom. Ao som de um repertório contendo clássicos de Ed Motta, Gilberto Gil, Djavan, Lenine, Pedro Mariano, Claudio Zoli e Funk como le gusta, o grupo jundiaiense colocou todo mundo para dançar.

Oferecida pelo Instituto CCR e pela CCR AutoBAn, por meio do projeto Música na Estrada, a programação cultural seguiu com octeto João de Barro. Ao resgatar e dar uma nova roupagem a clássicos da música brasileira, encantou o público.

Nos mesmos moldes das edições anteriores, a Sexta no Centro retornou com um cardápio irresistível e ainda mais incrementado. Bastou um passeio pela praça para se deparar com uma variedade que vai dos pratos mais simples até os mais inusitados, com barracas de lanches, tapiocas, espetinhos, salgados, pasteis e doces.

Atração à parte, as peças produzidas pelos artistas locais chamam a atenção pelo capricho. Em 16 barracas lá estavam peças de patchwork, bijuterias finas, sabonetes, peças de crochê e tricô, além de produtos confeccionados com materiais recicláveis.

As atrações de Sexta no Centro, bem como toda a programação cultural da cidade, podem ser consultadas no Aplicativo Jundiaí, uma ferramenta para facilitar o acesso dos cidadãos aos serviços da Prefeitura e pode ser baixado em qualquer smartphone Android ou iPhone.

Assessoria de Imprensa

Fotos: Fotógrafos PMJ



Link original: https://saladeimprensa.jundiai.sp.gov.br/2017/07/14/de-endereco-novo-sexta-no-centro-e-programa-de-toda-familia/
Leia mais sobre ,

Galeria de imagens desta notícia

Clique na imagem para fazer o download do arquivo na resolução original



Sala de Imprensa | Desenvolvido por CIJUN
www.jundiai.sp.gov.br