Ação no Centenário convoca moradores para cuidar da área de nascente

Publicada em 10/06/2017 às 17:01

Cuidar da nascente e preservar a Área de Proteção Ambiental existente em torno dela. Esse foi o tema da palestra realizada neste sábado (10), no Parque Centenário, e que também encerrou as comemorações da Semana do Meio Ambiente em Jundiaí.

O encontro, que teve intuito educativo, foi motivado a partir de demandas levantadas durante as reuniões da Rede Social Morada das Vinhas (formada por representantes dos moradores da região, FUMAS, DAE Jundiaí e das Unidades de Gestão de Assistência e Desenvolvimento Social (UGADS – CRAS Vista Alegre), Infraestrutura e Serviços Públicos (UGISP) e Saúde e Qualidade de Vida (UGSQV).

“Estamos aqui para trabalhar a conscientização ambiental de todos e chamar a atenção para a importância de manter este local limpo”, ressaltou a superintendente da FUMAS e especialista em Direito Ambiental, Solange Marques, ao conversar com os moradores. “A responsabilidade de preservar o meio ambiente e manter essa área limpa não cabe apenas ao Poder Público, mas a todos os cidadãos”, destacou a superintendente.

A área mais prejudicada com o descarte de lixo e entulhos no bairro é justamente a área chamada pelos moradores como “Nascente da Barroca”, considerada Área de Proteção Permanente. O local passou por uma intervenção da Fumas para recuperação ambiental em 2013, com o plantio de árvores e vegetação rasteira.

Os moradores também receberam orientações sobre a diferença entre os tipos de lixo – orgânico e reciclável – e a importância de fazer a separação adequada no dia da passagem do caminhão referente a cada coleta (lixo orgânico, reciclável e cata-treco), conforme a data programada por bairro. Também foram informados que, nos próximos dias, a Unidade de Gestão de Infraestrutura e Serviços Públicos promoverá a limpeza do entorno da nascente.

Troca de experiências
Valdir Lira, da Rede Social Morada das Vinhas, trouxe a experiência que vivenciou em seu bairro, o Parque dos Ingás, para as reuniões do grupo. “A gente tem uma área parecida com esta do Centenário por lá e sempre estávamos fazendo mutirões de limpeza, mas acabavam sujando de novo. Quando começamos a envolver a comunidade no diálogo e explicar que, junto com o Poder Público, todos têm obrigação de tomar conta do local, a situação foi mudando. Quem ganha com isso é a comunidade”, contou.

Educadora social e coordenadora do CRAS Vista Alegre, Edilaine Cardoso Santos acrescenta que o trabalho de um Centro de Referência de Assistência Social é trabalhar a prevenção da vulnerabilidade social e estimular o empoderamento da sociedade. “Com a Rede, conseguimos unir forças agrupando várias entidades e esta ação de hoje surgiu a partir de um olhar apurado de quem mora aqui no Centenário e percebeu a necessidade de trazermos a conscientização para o dia a dia das pessoas”.

Um destes olhares “apurados” a quem Edilaine se refere é o Seu Osvaldo Silva Miguel, da Associação dos Moradores do Parque Centenário, que há 15 anos reside no bairro. “Sempre falamos aqui da importância de cuidarmos desta área de nascente, mas acredito que hoje temos aqui a oportunidade de explicar pra todo mundo o que é descarte, resíduo, lixo orgânico, e fazer com que as pessoas entendam que estão prejudicando a si mesmas se jogarem lixo no lugar errado.”

Assessoria de Imprensa – FUMAS
Fotos: Divulgação



Link original: https://saladeimprensa.jundiai.sp.gov.br/2017/06/10/acao-no-centenario-convoca-moradores-para-cuidar-da-area-de-nascente/
Leia mais sobre , ,

Galeria de imagens desta notícia

Clique na imagem para fazer o download do arquivo na resolução original



Sala de Imprensa | Desenvolvido por CIJUN
www.jundiai.sp.gov.br