Moradores do Engordadouro conhecem o Projeto Câmera Cidadã

Publicada em 09/06/2017 às 17:38

Por mais segurança: com esta proposta, Antonio Roque Scapinelli, Orlando Gregório e Caetano Bispo de Santana Filho, estiveram na Guarda Municipal de Jundiaí (GMJ) representando a comunidade da grande região de atuação compreendida pelo 2º Distrito Policial, para conhecer o trabalho realizado pelos profissionais da Central de Monitoramento Eletrônico de Câmeras, também conhecida como Olho Vivo. Garantir a segurança e o bem-estar da população jundiaiense representa um dos principais compromissos do atual governo.

Os visitantes foram recepcionados pelo comandante da GMJ, o inspetor Cláudio Ferigato, que ressaltou a importância do Projeto Câmera Cidadã, já instalado com êxito pelos moradores do Jardim Paulista (em fevereiro completou um ano de atividade), em fase de implantação no bairro da Malota, também em breve no Jardim Marambaia. “Há necessidade de um projeto bem definido, dentro dos padrões exigidos de operacionalidade para que também possa acontecer no Engordadouro, compatível com os equipamentos de qualidade e muita definição que existem na Guarda Municipal de Jundiaí para que aconteça integradamente, em tempo real, como já acontece positivamente no Jardim Paulista. O envolvimento da comunidade é fundamental para que o combate à violência e criminalidade possa ser efetivo; deve-se pensar de maneira macro para atender as necessidades da região”, reforçou o graduado.

O Projeto Câmera Cidadã contribui para a potencialização da segurança pública nos bairros: consiste em acessar por meio das câmeras de alta resolução da Central de Monitoramento, as imagens das câmeras privadas de residências e estabelecimentos para ampliar o circuito de monitoramento da cidade de maneira integrada à Guarda Municipal de Jundiaí. A iniciativa é pioneira em Jundiaí, firmada por meio de parceria entre moradores do Jardim Paulista e a Guarda Municipal. A ideia é que as imagens registradas pelas câmeras instaladas nas ruas do bairro, com recursos dos próprios moradores, estejam interligadas com o Centro de Controle Operacional (COT), possibilitando dessa forma que a prevenção seja fortalecida.

“O Câmera Cidadã traz benefícios muito significativos para a prevenção primária da violência e da criminalidade no bairro em que for instalado e monitorado, promovendo dessa forma a sensação de segurança aos moradores, com toda orientação e assistência que a Guarda municipal oferece”, destacou o comandante Ferigato.

Próximas ações

Durante encontro realizado na noite desta quinta-feira (8), reunindo moradores dos bairros Torres de São José e Parque da Represa, o comandante inspetor Cláudio Ferigato também apresentou as propostas do Projeto Câmera Cidadã, despertando interesse por parte dos presentes para a implantação em breve nos bairros. O subcomandante do 49º Batalhão de Polícia Militar do Interior (BPMI), o major PM Eduardo Yasui, acompanhou a apresentação das solicitações dos moradores.

Assessoria de Imprensa GMJ

Fotos: Assessoria de Imprensa GMJ

 



Link original: https://saladeimprensa.jundiai.sp.gov.br/2017/06/09/moradores-do-engordadouro-conhecem-o-projeto-camera-cidada/
Leia mais sobre , , , , , , ,

Galeria de imagens desta notícia

Clique na imagem para fazer o download do arquivo na resolução original



Sala de Imprensa | Desenvolvido por CIJUN
www.jundiai.sp.gov.br