Quadros de Inos Corradin chamam a atenção na Pinacoteca

Publicada em 23/05/2017 às 18:27

Nesta terça-feira (23), primeiro dia da semana de visitação na Pinacoteca Diógenes Duarte Paes, os cinco quadros do artista ítalo-jundiaiense Inos Corradin já motivaram estudantes do Centro Municipal de Educação de Jovens e Adultos (CMEJA) e outros visitantes a irem até o local.

Dentre os quase 40 alunos das professoras Conceição Costa e Verenice Teixeira, estava a paranaense Adria Greggio Saraiva, que mora em Jundiaí há apenas dois anos e já tinha ouvido sobre a importância do artista para a cidade. “É a primeira vez que visito este espaço e fiquei encantada com os quadros do Inos”, disse ela.

As cinco obras pertenciam à Fundação Municipal de Ação Social (Fumas) e ficavam expostas no Velório Municipal. Recentemente, passaram por restauração e agora fazem parte do acervo da Pinacoteca. “Ressurreição de Lázaro”, “Via Crucis”, “Pietá”, “Cristo” e “São Francisco” são óleo sobre compensado marítimo e, com exceção da última, relatam episódios da narrativa bíblica sobre a Paixão de Jesus Cristo.

Também compõem a mostra paletas, pincéis e livros do artista, as estátuas em terracota “Cartola equilibrista” e “São Francisco”, um painel com fotos que comemorou seus 80 anos e um vídeo explicativo. A curadoria da exposição ficou sob a responsabilidade de Clarina Fasanaro, Sandra Carnio e Sandro Corradin.

A Pinacoteca Diógenes Duarte Paes fica na rua Barão de Jundiaí, 109, Centro, e está aberta de terça a sexta-feira, das 10h às 17h, e aos sábados, domingos e feriados, das 9h às 16h. As visitas são gratuitas e abertas ao público, mas pelo telefone 4586-2326 é possível agendar visitas para grupos e escolas. Também estão disponíveis horários às quartas-feiras para grupos de estudo no auditório.

A Pinacoteca hospeda também, além de seu acervo permanente, a exposição itinerante de telas e painéis “Entretantos” do artista plástico Alex Roch.

O artista
Pintor, cenógrafo, gravador e desenhista, Inos Corradin nasceu em Vogogna, na Itália, em 14 de novembro de 1929 e escolheu Jundiaí como moradia em 1950. Com mais de 60 anos de carreira, já foi homenageado não somente na cidade, mas também nacional e internacionalmente. Já expôs individualmente em inúmeras cidades brasileiras, em diversos países e, em 2017, foi o homenageado pelo samba-enredo da escola de samba X-9 Paulistana, que, com o tema “Vim, Vi, Venci” foi campeã do Grupo de Acesso do Samba paulistano.

Assessoria de Imprensa

Fotos: Fotógrafos PMJ



Link original: https://saladeimprensa.jundiai.sp.gov.br/2017/05/23/quadros-de-inos-corradin-ja-recebem-visitantes-na-pinacoteca/
Leia mais sobre , , , , ,

Galeria de imagens desta notícia

Clique na imagem para fazer o download do arquivo na resolução original



Sala de Imprensa | Desenvolvido por CIJUN
www.jundiai.sp.gov.br