Jundiaí terá 180 vagas para cursos de formação a microempreendedores

Publicada em 13/10/2016 às 14:07

Facilitar caminhos para a independência financeira com o incentivo do empreendedorismo individual tem sido uma medida valiosa no esforço pela retomada do ciclo econômico aquecido. Após o fechamento expressivo, em todo Brasil, de vagas de trabalho no mercado formal (CLT), a microempresa individual (MEI) vem consolidando-se como uma oportunidade para milhares de pessoas, muitas com as mesmas características: pouco dinheiro no bolso, mas muita vontade de fazer acontecer.

O Programa Super MEI, desenvolvido pelo Sebrae, vai justamente ao encontro dessa demanda crescente, e chega a Jundiaí após parceria entre a instituição, o Fundo Social de Solidariedade (Funss) e a Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia por meio do Banco do Povo Paulista.

Assim, serão abertos nove cursos que combinam assuntos de gestão de negócios e prática técnica. Todos são gratuitos, voltados a quem já possui o CNPJ de MEI e aqueles que desejam fazê-lo. Com início das aulas em novembro, em local ainda a ser escolhido, aproximadamente 180 vagas serão disponibilizadas, sendo 20 por turma. As capacitações oferecidas são:

– Cuidador de Idosos
– Culinária Natalina
– Churrasqueiro
– Salgadeiro
– Embalagens e caixas de presentes
– Manicure e Pedicure
– Maquiagem
– Tratador de piscina
– Bartender

As áreas foram definidas pela equipe do Fundo Social conforme a procura observada nos últimos três anos e meio – período em que mais de 1,4 mil vagas para cursos profissionalizantes foram abertas pelo órgão municipal.

Como participar – O Fundo Social abre espaço para a palestra “Empreendedorismo como Opção de Carreira”, no dia 25 de outubro, em dois horários: às 9h e às 14h. Organizada pelo Sebrae, o encontro é gratuito e as vagas são limitadas a 125 pessoas por período. Na ocasião, serão apresentadas as definições do programa Super MEI e outros conteúdos, como técnicas de vendas, dicas de gestão, tributação e benefícios, saída do regime, administração do dinheiro entre outros.

As inscrições para o evento podem ser feitas a partir de segunda-feira (17), presencialmente no Fundo Social de Solidariedade (avenida Manoela Lacerda de Vergueiro, s/n, portão 3, anexo ao Parque da Uva) ou ainda por telefone com Sebrae, nos números 0800 570 0800 ou 4523 4470.

Após a palestra, uma equipe do Sebrae estará no Funss para abrir a MEI dos interessados, assim como a confirmar a pré-inscrição para os cursos disponibilizados. Apenas serão aprovados para integrar as turmas quem tiver 18 anos ou mais e ser o titular do CNPJ do MEI.

Para abrir a MEI – Quem decidir formalizar seu pequeno negócio como Microempreendedor Individual e participar do programa Super MEI deverá apresentar, no dia da palestra, os seguintes documentos:

• Cópia de documento de identificação com foto valido (RG) ou RNE
• Cópia do CPF
• Comprovante de Endereço (Copia)
• Título de Eleitor (copia)
• Número do Recibo da última declaração de Imposto de Renda de Pessoa Física
• Pesquisa prévia de viabilidade (verificar a Lei de Zoneamento e as atividades permitidas no Município)

O Sebrae de Jundiaí segue com o atendimento no dia 26 de outubro, das 09h às 17h, na rua 23 de Maio, 41, Bairro Vianello.

MEI no Brasil – Segundo dados do Sebrae Nacional, no País, o número de microempreendedores individuais (MEIs) ultrapassou o de micro e pequenas empresas. Desde sua criação, em 2008, até o momento, já foram formalizadas mais de 5 milhões e 700 mil MEIs, ou seja, quase 20 % a mais que as micro e pequenas empresas (MPEs) abertas, que totalizam 4.777.069.

Thiago Secco



Link original: https://saladeimprensa.jundiai.sp.gov.br/2016/10/13/jundiai-tera-180-vagas-para-cursos-de-formacao-a-micro-empreendores/
Leia mais sobre ,

Galeria de imagens desta notícia

Clique na imagem para fazer o download do arquivo na resolução original



Sala de Imprensa | Desenvolvido por CIJUN
www.jundiai.sp.gov.br