Aplicação do EIV gerou benefícios de mais de R$ 20 milhões a Jundiaí

Publicada em 19/05/2016 às 03:07
Arquivo – PMJCentro Esportivo Antonio Iacovino: reforma em finalização

Centro Esportivo Antonio Iacovino: reforma em finalização

Desde 2013, a Prefeitura de Jundiaí passou a discutir com novos empreendimentos de grande porte na cidade a necessidade de Estudo de Impacto de Vizinhança (EIV), criando equipes técnicas na Secretaria de Planejamento e Meio Ambiente para a elaboração do relatório de impacto de vizinhança e na Secretaria de Transportes para o relatório de impacto no trânsito.

Esse mecanismo também continua previsto entre os instrumentos urbanísticos do projeto de Plano Diretor Participativo, em análise na Câmara Municipal.

A estimativa atual é de um patamar acima R$ 20 milhões em investimentos urbanos, porque a solicitação é do setor público e voltado para a execução do projeto com qualidade e não com planilha de custos finais. Mas o valor é ainda maior porque a soma abrange apenas obras em fase de execução ou prontas, sem incluir aquelas em fase de pactuação de termo de compromisso, ainda bastante numerosas.

Na avaliação da Secretaria de Planejamento e Meio Ambiente, o instrumento é parte da busca de equilíbrio entre “o retorno dos investimentos privados também beneficiados pela infraestrutura já instalada (como transportes, eletricidade, mobilidade, iluminação, água, esgoto, conservação ambiental e qualidade urbana) em um pacto entre as partes”, como explica a secretária Daniela da Camara Sutti.

Com esse trabalho, Jundiaí recebeu a realização de projetos próprios mas sem custos ao orçamento municipal, em um formato de análises de ordem altamente técnica e com diálogo de viabilidade entre poder público e empreendedores nos seguintes benefícios em diversas etapas de preparativos, em andamento ou já entregues e que complementam ações diretas da administração municipal. Algumas das principais:

– Implantação da praça da Ponte Torta (chamada Erazê Martinho), entre Centro Histórico e Vila Arens

– Alargamento e ajuste da avenida Nove de Julho entre a rotatória do Jundiaí Shopping e acesso da rua Messina, no Jardim Bonfiglioli

– Ampliação e reforma do Centro Esportivo Antonio Iacovino, na Vila Nambi – Reforma da Esplanada Monte Castelo (Escadão), no Centro Histórico

– Construção do Parque do Engordadouro, entre os bairros Engordadouro e Morada das Vinhas

– Contratação do Trecho 9 do Parque Linear do Guapeva, na Vila Argos

– Reforma da Coordenadoria de Bem-Estar Animal (Cobema) com doação de “vet” container para cirurgias veterinárias, no Horto

– Compra e doação a municipalidade de 3.500 m² de área na Serra do Japi para ampliação da reserva de preservação, na Reserva Biológica

– Contratação do projeto-piloto Urbanismo Caminhável e instalação de dois parklets, no Centro Histórico

– Compra e doação ao setor público de 3,5 mil metros quadrados destinados para a Reserva Biológica Municipal da Serra do Japi

– Revitalização do casarão da Praça dos Andradas, para futuras instalações policiais, no Centro Histórico

– Execução de terraplenagem do prolongamento da avenida Samuel Martins, interligando com avenida 14 de Dezembro, na Vila Rami

– Prolongamento da faixa de conversão à esquerda da avenida União dos Ferroviários para a rua São Bento

– Reforma das praças Dom Pedro II, São Bento e Antonio Frederico Ozanam, no Centro Histórico

Outros projetos estão em tramitação, como:

– Contratação de projeto de elementos de humanização para viaduto Joaquim Candelário de Freitas, na Vila Rio Branco

– Doação de área de ampliação e construção de jazigos no Cemitério Nossa Senhora do Montenegro, no Jardim do Lago

– Doação de reserva técnica de sepulturas no novo Cemitério Parque da Paz, no Castanho

– Construção de quadra de futebol “society” com 1,125 mil metros quadrados no Centro Esportivo Francisco Dal Santo, na Vila Rami

– Reforma do Terminal Central do sistema de ônibus, no Centro

– Ampliação da escola municipal Emeb Dina Rosete, no Jardim Lírio

– Ampliação da escola municipal Emeb João Batista Toledo, no Jardim Tamoio.

– Reforma do Terminal Eloy Chaves do sistema de ônibus.

– Revitalização da ciclovia da avenida Antonio Pincinato, no Retiro

– Creche no Jardim Fepasa

Veja também:

http://planodiretor.jundiai.sp.gov.br

http://www.jundiai.sp.gov.br/noticias/2015/12/13/emocao-marca-entrega-da-revitalizacao-da-ponte-torta/

http://www.jundiai.sp.gov.br/noticias/2016/05/14/prefeitura-devolve-escadao-revitalizado-a-populacao/

http://www.jundiai.sp.gov.br/noticias/2015/08/18/obra-de-contrapartida-garante-readequacao-viaria-da-9-de-julho/

http://www.jundiai.sp.gov.br/noticias/2015/11/27/jundiai-inaugura-novo-parque-do-engordadouro/

http://www.jundiai.sp.gov.br/noticias/2015/03/25/caes-e-gatos-contam-agora-com-centro-de-atendimento-e-cirurgia/

http://www.jundiai.sp.gov.br/noticias/2016/05/16/prefeito-vistoria-obras-na-regiao-da-vila-nambi/

http://www.jundiai.sp.gov.br/noticias/2015/12/15/obra-do-casarao-dos-andradas-e-visitada-pelo-conselho-de-seguranca/

http://www.jundiai.sp.gov.br/noticias/2015/11/06/calcadao-da-barao-recebe-segundo-parklet-no-centro/

Arquivo – PMJReforma do Escadão também feita com contrapartida técnica

Reforma do Escadão também feita com contrapartida técnica


Por José Arnaldo de Oliveira

Link original: https://saladeimprensa.jundiai.sp.gov.br/2016/05/19/aplicacao-do-eiv-gerou-beneficios-de-mais-de-r-20-milhoes-a-jundiai/


Sala de Imprensa | Desenvolvido por CIJUN
www.jundiai.sp.gov.br