Esquema de segurança para receber tocha olímpica começa a ser traçado

Publicada em 18/05/2016 às 03:48
Fotógrafos PMJEncontro no 11º Batalhão da PM  começa a delinear segurança para receber a tocha olímpica

Encontro no 11º Batalhão da PM começa a delinear segurança para receber a tocha olímpica

A Guarda Municipal de Jundiaí colocou à disposição seu moderno sistema de monitoramento para o esquema de segurança que será montado para receber a tocha olímpica no dia 21 de julho. Toda a estratégia que será implantada foi debatida durante a reunião desta quarta-feira (18) na sede do 11º Batalhão de Polícia Militar do Interior (BPM/I), no Anhangabaú.

“As câmeras têm condições de garantir imagens ao vivo de todo o trajeto. Será uma ferramenta a mais para a segurança de participantes e público. O equipamento está à disposição”, comenta o subinspetor Cláudio Ferigato, que representou a corporação.

Representantes das secretarias de Esportes e Lazer, Obras, Finanças (Fiscalização de Comércio), Transportes (Fiscalização de Trânsito), Gabinete de Gestão Integrada (GGIM), Guarda Municipal, Defesa Civil, polícias Militar, Civil e Rodoviária, Corpo de Bombeiros e Juizado de Menores avaliaram toda a programação e trajeto que a tocha vai percorrer na cidade e definiram pontos importantes sobre as atribuições dentro do esquema de segurança.

A Polícia Militar será responsável pela escolta do comboio formado por caminhões de patrocinadores e ônibus usados no transporte de pessoas ligadas ao comitê organizador, autoridades e condutores da tocha durante sua estadia em território urbano. O Corpo de Bombeiros também terá uma unidade de Resgate no comboio.

A PM encabeçará a segurança em pontos estratégicos no perímetro urbano de Jundiaí, com apoio da Guarda Municipal e de fiscais de trânsito, que terão a incumbência de bloquear ruas e avenidas que fazem parte do percurso com antecedência A Polícia Rodoviária terá participação durante a locomoção da tocha pelas rodovias, inclusive na passagem pelas praças de pedágio.

Jundiaí é uma das 329 cidades que receberá a tocha olímpica, que já percorre o País. O município está na rota, que começa por Rio Claro, depois Limeira, Americana, Campinas, Indaiatuba, Itu e finalmente Jundiaí. Depois, o fogo olímpico segue para Osasco. Sorocaba ainda pode ser inserida neste percurso.

“Acho importante um encontro em que todos os setores integrados conversem e acertem os detalhes para que o evento saía dentro dos padrões de organização”, diz a diretora da Secretaria de Esportes e Lazer, Bruna Lazarini. Nova reunião deverá ser marcada para os ajustes finais.


Por Ivan Lopes

Link original: https://saladeimprensa.jundiai.sp.gov.br/2016/05/18/esquema-de-seguranca-para-receber-tocha-olimpica-comeca-a-ser-tracado/


Sala de Imprensa | Desenvolvido por CIJUN
www.jundiai.sp.gov.br