Empreende Digital vai abordar mercado que fatura quase R$ 700 mi

Publicada em 09/05/2016 às 11:53
Arquivo – PMJAo todo, estão escalados seis palestrantes especializados

Ao todo, estão escalados seis palestrantes especializados

Como fazer da internet uma ferramenta eficaz para monetizar os negócios e impulsionar o empreendimento em tempos de crise? Com esse tema, Jundiaí vai receber a segunda edição do Empreende Digital, que pretende revelar novos caminhos para que empresários e interessados usem a internet a favor.

Com realização do Sindicato do Comércio Varejista de Jundiaí e Região (Sincomercio), gestora do Centro de Inovação Tecnológico de Jundiaí (CitJun), o encontro, apoiado pela secretaria de Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia, será na quarta-feira, 18 de maio, das 10h às 19h, na sede de Campo do Clube Jundiaiense.

Ao todo, estão escalados seis palestrantes especializados em marketing, planejamento e mundo digital de grandes empresas, como Buscapé, SebraeSP e Netshoes. A abertura ficará sob responsabilidade do professor Marins, antropólogo e autor do livro “Homo Habilis – você como empreendedor”. Já o encerramento será com Renato Mendes, responsável pelo marketing digital do Netshoes, maior e-commerce esportivo do mundo.

“O formato do evento foi alterado para que todos pudessem aproveitar melhor as palestras, que foram escolhidas de forma que atendam as demandas dos empresários da cidade e daqueles que se interessem em colocar uma ideia em prática, como start ups”, explicou o presidente do Sincomércio, Edison Maltoni.

“O Empreende é o embrião do que faremos no CitJun quando ele estiver funcionando no futuro Parque Tecnológico. É oferecer aos empreendedores um espaço para troca de experiências e disseminação do conhecimento, conceitos de inovação, melhoria contínua, gestão, usando ferramentas de tecnologia com o intuito de trazer Jundiaí para o protagonismo do desenvolvimento de pesquisas de inovação e tecnologia da região”, disse o secretário de Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia, Marcelo Cereser.

Segundo dados da FecomercioSP e do portal e-bit, o faturamento do setor na região em 2015 foi de R$ 698 milhões, 9,5% a mais que o ano anterior. “A cidade ocupa o nono lugar no ranking estadual, o que pode ser melhorado se tivermos mais empresas da cidade atraindo esse consumidor, e melhorando suas vendas”, comentou Maltoni.

A entrada para o evento é a troca de um quilo de alimento não perecível pelo ingresso. A novidade da segunda edição é que os convites serão retirados apenas no dia do encontro. Todo alimento arrecadado será doado ao Grupo Afeto.

A inscrição pode ser feita pelo site www.empreendedigital.com.br

O primeiro Empreende Digital foi em novembro de 2015, reunindo aproximadamente 400 pessoas que discutiram a tecnologia a favor do empreendedorismo. O “Empreende Digital” faz parte das atividades do CitJun, projeto da Prefeitura gerido pelo Sincomércio, que abriga empresas incubadas de base tecnológica de Jundiaí.

Arquivo – PMJPara Maltoni, prioridade é atender demandas locais com incentivo a start ups

Para Maltoni, prioridade é atender demandas locais com incentivo a start ups


Por Assessoria de Imprensa

Link original: https://saladeimprensa.jundiai.sp.gov.br/2016/05/09/empreende-digital-vai-abordar-mercado-que-fatura-quase-r-700-mi/


Sala de Imprensa | Desenvolvido por CIJUN
www.jundiai.sp.gov.br