MEC vistoria terreno doado pela Prefeitura ao Instituto Federal

Publicada em 06/05/2016 às 03:21
Alessandro RosmanA comitiva visitou a área no Vetor Oeste

A comitiva visitou a área no Vetor Oeste

O terreno doado pela Prefeitura de Jundiaí para a construção do campus do Instituto Federal (IFSP) foi vistoriado, nesta sexta-feira (6), pelo Ministério da Educação (MEC). A comitiva foi recebida pelo vice-prefeito, Durval Orlato, o assessor especial de Educação, Marcel Ercolin Carvalho, e o diretor do Centro Municipal de Educação de Jovens e Adultos (CMEJA), José Ronaldo Pereira.

A área de 23,7 mil metros fica na avenida Ângelo Pelliciari, próximo ao Residencial Jundiaí 2, no vetor Oeste. Desde 2014, o IFSP, com apoio do município, oferece em prédio emprestado pela Secretaria Municipal de Educação, curso de técnico em comércio, cursos de formação inicial continuada, além do curso de gestão de negócios dentro do Programa Nacional de Integração da Educação Profissional com a Educação Básica na Modalidade de Educação de Jovens e Adultos (Proeja), em parceria com o CMEJA.

“Essa comissão de supervisão da Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica do MEC está percorrendo todo o Estado para fazer uma radiografia do Instituto Federal de São Paulo. Para Jundiaí, temos a intenção de transformar o campus avançado em um campus para 1200 alunos e que englobaria 60 docentes e 45 técnicos administrativos. O orçamento para a construção é de R$ 11 milhões. Após apresentar o relatório da visita, a reitoria vai buscar recursos ”, explicou o representante do MEC, professor Carlos Guedes Alcoforado, que também é do Instituto Federal do Rio Grande do Norte.

Além de Alcoforado, esteve na cidade o diretor de desenvolvimento e administração do IFSP, Nelson Lisboa Júnior.

Compromisso – De acordo com o vice-prefeito Durval Orlato, a vistoria foi importante para o município. “Isso mostra que o Instituto está interessado em dar continuidade ao projeto. Para a cidade, a vinda do IFSP, com a oferta dos cursos gratuitos para a toda região, foi um grande ganho. O governo tinha o compromisso de instalar uma universidade pública no município e cumpriu.”

O IFSP ofertou, em dois anos, mais de 500 vagas. Segundo a diretora do campus avançado, Haryanna Sgrilli, para 2017, a proposta é ampliar os cursos gratuitos.


Por Roberta de Sá

Link original: https://saladeimprensa.jundiai.sp.gov.br/2016/05/06/mec-vistoria-terreno-doado-pela-prefeitura-ao-instituto-federal/


Sala de Imprensa | Desenvolvido por CIJUN
www.jundiai.sp.gov.br