Gerentes de UBSs da região participam de capacitação em Jundiaí

Publicada em 20/04/2016 às 05:32
Paulo GrégioCerca de 100 profissionais de Jundiaí e região participação da capacitação

Cerca de 100 profissionais de Jundiaí e região participação da capacitação

Dando continuidade aos encontros regionais para atualização e troca de informações e experiências sobre o Aedes aegypti, Jundiaí sediou nesta quarta-feira (20) o encontro “Um novo olhar contra o Aedes”. O evento, no auditório da Ciesp, reuniu gerentes de unidades básicas de saúde (UBSs) e coordenadores de programas de agentes comunitários de saúde (PACS) dos municípios da Aglomeração Urbana de Jundiaí (AUJ).

Participaram cerca de 100 profissionais da rede de saúde de Jundiaí, Várzea Paulista, Campo Limpo Paulista, Louveira, Itupeva, Jarinu e Cabreúva, além da articuladora regional da Atenção Básica do Departamento Regional de Saúde de Campinas (DRS-7) da Secretaria Estadual de Saúde, Lígia Bestetti, e do supervisor-geral da regional da Superintendência de Controle de Endemias (Sucen) de Campinas, Odair Ferreira Leite.

O gerente da Unidade de Vigilância de Zoonoses, Carlos Ozahata, destacou a importância do trabalho em conjunto entre a Vigilância e a atenção básica, experiência adotada em Jundiaí que foi premiada na semana passada durante o 30º Congresso do Conselho de Secretário Municipais do Estado de São Paulo (Cosems).

“Atualmente, em Jundiaí, cada unidade de saúde tem um profissional de referência para o assunto Aedes aegypti. Isso está facilitando a comunicação e o atendimento aos pacientes com sintoma da dengue ou de outras doenças transmitidas pelo mosquito, pois a UBS é a porta de entrada para o atendimento”, destacou Ozahata.

Em sua palestra, Lígia Bestetti reforçou a proposta do trabalho em conjunto, de forma regionalizada, entre os municípios para o combate e controle do Aedes aegypti. “Não há barreira física para o mosquito. E os agentes comunitários de saúde e as unidades básicas estão mais próximos da comunidade”, frisou.

Lígia também falou que o mosquito transmissor da dengue, febre chikungunya e zika vírus tem se adaptado aos mais variados ambientes e temperaturas e já mostrou que veio para ficar. “Por isso, temos de mudar o olhar sobre o assunto. Primeiro, o combate não pode ser mais apenas em uma determinada época do ano, tem de fazer parte da nossa rotina diária. Além disso, precisamos construir uma identidade regional. Todos os municípios juntos desenvolvendo ações e trocando experiências.”

A programação também abordou assuntos como o vetor, a situação epidemiológica das arboviroses nos municípios da região e investigação epidemiológica. Para encerrar, o grupo participou de uma mesa de discussões com os palestrantes.

Antes das palestras, o ator Roberto Caruso, de Itatiba, fez uma apresentação descontraída para integrar os participantes e motivar o trabalho dos profissionais, colocando situações do cotidiano de maneira bem-humorada.

Em fevereiro, a Unidade de Vigilância de Zoonoses de Jundiaí também coordenou o 3º Encontro Regional de Agentes Comunitários de Saúde, que contou com a participação de mais de 300 profissionais. O principal tema foi o Aedes aegypti.


Por Niza Souza

Link original: https://saladeimprensa.jundiai.sp.gov.br/2016/04/20/gerentes-de-ubss-da-regiao-participam-de-capacitacao-em-jundiai/


Sala de Imprensa | Desenvolvido por CIJUN
www.jundiai.sp.gov.br