Escritório da Junta Comercial será inaugurado dia 25

Publicada em 15/04/2016 às 04:23
Arquivo – PMJMarcelo Cereser: enfim, a independência de Jundiaí no assunto

Marcelo Cereser: enfim, a independência de Jundiaí no assunto

Segunda-feira, 25 de abril. Essa é a data para que empreendedores, comerciantes ou empresários – não importa o ramo ou o tamanho da empresa – passem a dispor do menu de facilidades oferecido pelo escritório da Junta Comercial do Estado de São Paulo (Jucesp), que terá atendimento fixo em Jundiaí pela primeira vez na história.

O Sindicato do Comércio Varejista de Jundiaí e Região (Sincomércio) tem espaço de 300m² para o funcionamento do órgão estadual. As negociações do Sindicato com São Paulo tiveram a adesão e reforço da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia. O evento de abertura está marcado para as 11h, na sede do Sincomércio, na rua Prudente de Moraes, 584. O governador Geraldo Alckmin e o vice-governador e secretário estadual de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Inovação, Márcio França, são aguardados para a ocasião.

“O pedido para abertura do escritório teve início há dois anos, e, naquele momento, eles não estavam concedendo abertura em nenhuma cidade porque julgavam suficiente o número dessas repartições pelo Estado. Ocorre que, entre outubro e setembro de 2015, sentimos um aumento significativo da demanda no Sincomércio, o que balizou um levantamento que endossou novo pedido, feito em fins de setembro”, lembra o presidente do Sincomércio, Edison Maltoni.

A vinda de uma regional da Jucesp para Jundiaí encurta a distância para abrir, fechar ou modificar qualquer tipo de alteração contratual. A previsão é que determinadas demandas, com a entrada correta dos documentos, sejam atendidas em até 24 horas. Até essa data, todos os processos de Jundiaí continuarão sendo encaminhados pelo Sincomércio aos escritórios da Jucesp em São Paulo ou São José do Rio Pardo. A Inscrição Estadual também sairá com mais agilidade que em outros postos de atendimento.

“Uma Junta Comercial na cidade facilita, e muito, a instalação, fechamento e alteração de empresas no que compete ao documental. Vamos ficar independentes das cidades de São Paulo, Campinas e Indaiatuba. A vinda ratifica a importância econômica de Jundiaí em todo Estado. Como contrapartida, a Prefeitura cede técnicos gabaritados e de experiência comprovada, apostando na relevância da empreitada”, crava o secretário de Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia, Marcelo Cereser.

Uma das exigências do órgão estadual era que a Prefeitura cedesse quatro funcionários de carreira para composição do atendimento no escritório, obrigatoriamente com formação bacharelada em direito, economia, contabilidade e administração – o que foi prontamente atendido pela administração. Atualmente, os profissionais cedidos finalizam extenso curso de formação, que teve duração de 45 dias, na Junta de São Paulo.

Arquivo – PMJMaltoni: vinda da Junta mostra a força da cidade

Maltoni: vinda da Junta mostra a força da cidade


Por Thiago Secco

Link original: https://saladeimprensa.jundiai.sp.gov.br/2016/04/15/escritorio-da-junta-comercial-sera-inaugurado-dia-25/


Sala de Imprensa | Desenvolvido por CIJUN
www.jundiai.sp.gov.br