Deficientes visuais visitam exposição “Avessos” na Pinacoteca

Publicada em 24/02/2016 às 05:00
Paulo GrégioDeficientes visuais podem interagir em exposição

Deficientes visuais podem interagir em exposição

Um grupo de deficientes visuais da União dos Deficientes de Jundiaí e Região (UDJR) visitou, nesta quarta-feira (24), a exposição “Avessos” do artista Hélio Schonmann na Pinacoteca Diógenes Duarte Paes.

As esculturas, quadros e outros objetos da mostra reuniam diversas texturas, planos, recortes e materiais, provocando a curiosidade e aguçando os sentidos. Durante a apresentação, os participantes puderam interagir com as peças em exibição e narrar suas percepções originadas pela fruição tátil.

O secretário de Cultura, Tércio Marinho, acompanhou a visita e parabenizou o artista. “Como poder público, temos o dever de pensar em todos e, seguindo uma das diretrizes do Governo Pedro Bigardi, trabalhamos para cada vez mais democratizar o acesso à cultura. Sendo assim, ter um artista na cidade como o Hélio, que pensa de forma inclusiva, ajuda para que esse trabalho seja bem desempenhado, além de inspirar outras pessoas a desenvolver projetos semelhantes”, disse.

O artista Hélio Schonmann tem bastante experiência no trato da arte para pessoas com deficiência. Em 2014, trabalhou na curadoria da mostra “ (Vi)

Ver Diálogo Gráfico”, exposta no Museu Histórico e Cultural de Jundiaí Solar do Barão, que possibilitou uma oficina de desenho em relevo e demais atividades para pessoas com deficiência. Também na curadoria, em 2015, levou para o Museu Histórico Paulo Setúbal, em Tatuí, a exposição do projeto LUPA, que contou em seu acervo com peças realizadas por pessoas com deficiência visual, sob coordenação de Lúcia Neto.

“Essa é a primeira vez que venho a Pinacoteca e está sendo uma experiência muito agradável. As sensações aqui também são únicas. Quando eu enxergava não ligava muito para arte, leitura e outras atividades culturais, agora tenho paixão por tudo isso. É diferente nossa maneira de compreender o mundo e não temos tantas condições de exercitar isso. Saber que há artistas preocupados em também nos dar espaço para conhecer essa área é muito bom”, disse Nelson Luis Soares, que perdeu a visão aos 37 anos.

“Hoje a pessoa com deficiência busca efetivamente seu lugar e os espaços culturais também fazem parte desse processo e integração. Por isso apoiamos e valorizamos muito essa ação, que visa adaptá-los para que a limitação física seja superada dentro das condições possíveis”, disse o coordenador dos Direitos da Pessoa com Deficiência, Reinaldo Fernandes.

Os visitantes também conheceram o acervo da Pinacoteca.


Por Assessoria de Imprensa

Link original: https://saladeimprensa.jundiai.sp.gov.br/2016/02/24/deficientes-visuais-visitam-exposicao-avessos-na-pinacoteca/


Sala de Imprensa | Desenvolvido por CIJUN
www.jundiai.sp.gov.br