Palestra na FMJ, neste sábado (20), orienta cuidadores

Publicada em 17/02/2016 às 02:43

Neste sábado (20), às 9h, a Faculdade de Medicina de Jundiaí (FMJ) sedia mais uma reunião com grupo de cuidadores de pessoas portadoras do mal de Alzheimer. O encontro, que ocorre mensalmente no terceiro sábado do mês, é realizado pela sub-regional da Associação Brasileira de Alzheimer (Abraz) com objetivo de apoiar esse grupo de cuidadores e orientá-los sobre a forma mais adequada de tratar essas pessoas.

Na reunião deste sábado, as psicólogas Juliana Cecato e Ana Maria Mantovani falarão sobre os testes neuropsicométricos. Não é necessário fazer inscrição prévia e a entrada é gratuita.

 

Segundo o geriatra e professor da FMJ, José Eduardo Martinelli, a doença de Alzheimer é um problema de saúde pública em razão do envelhecimento populacional. “Há diversos fatores de risco e o diagnóstico precoce pode ajudar na estabilidade da doença. A etapa principal do diagnóstico dessa forma de demência é o exame clínico associado a testes de rastreio cognitivo”, destaca o professor.

Abraz – Segundo a Abraz, a doença de Alzheimer é responsável por 70% dos casos de demências e se caracteriza pela perda progressiva das funções cognitivas, entre elas: memória, linguagem, orientação espacial, alterações de comportamento afetivo e social.

A evolução nos casos de demência leva ao comprometimento ocupacional e/ou social do indivíduo, aumentando cada vez mais sua dependência. O diagnóstico precoce pode promover melhoria na qualidade de vida do doente e refrear o avanço dos sintomas mais graves.


Por Assessoria de Imprensa FMJ

Link original: https://saladeimprensa.jundiai.sp.gov.br/2016/02/17/palestra-na-fmj-neste-sabado-20-orienta-cuidadores/


Sala de Imprensa | Desenvolvido por CIJUN
www.jundiai.sp.gov.br