“Saúde no Campo” – segunda edição ganha um reforço

Publicada em 17/02/2011 às 02:07

Jundiaí, 17 de fevereiro de 2011. Os agricultores que participarem da segunda edição do programa “Saúde no Campo”, desenvolvido pela Secretaria Municipal de Agricultura e Abastecimento em parceria com a Unicamp, serão beneficiados com a inclusão de um novo serviço: a triagem auditiva.

Os procedimentos serão realizados pela equipe do Centro de Referência em Saúde do Trabalhador (Cerest), que também integra o conjunto de atividades contempladas pelo programa. Em sua primeira edição, em dezembro passado, o “Saúde no Campo” atendeu a região do bairro Corrupira. A próxima está marcada para o dia 25, das 13 às 15 horas, na Associação Amigos do

Traviú , que está localizada na rua Luiz Carbonari, nº 100.

O programa tem o objetivo de identificar possíveis casos de doenças causadas ao homem do campo pela exposição a produtos agrotóxicos. Dos 30 agricultores que passaram pelos exames no primeiro evento, seis apresentaram algum tipo de alteração e foram encaminhados para atendimento específico na Unicamp, monitorados pela equipe do Cerest.

De acordo com a diretora de Agronegócio da SMAA, Isabel Harder, o encaminhamento acontece exatamente para confirmar que o agricultor está bem e não foi acometido por nenhuma das doenças possíveis de se adquirir no campo. “Os encaminhamentos não significam necessariamente o adoecimento e sim uma ação preventiva”, comenta a diretora.

Para participar, o agricultor ou trabalhador da propriedade rural podem se inscrever no dia, quando também participarão de uma palestra sobre o uso de equipamentos de proteção individual. Para mais informações, o telefone é (11) 4589-8872.


Por Assessoria de Imprensa

Link original: https://saladeimprensa.jundiai.sp.gov.br/2011/02/17/saude-no-campo-segunda-edicao-ganha-um-reforco/


Sala de Imprensa | Desenvolvido por CIJUN
www.jundiai.sp.gov.br