Programa de análise de fertilidade do solo continua em 2011

Publicada em 04/02/2011 às 01:31
fotógrafos da prefeituraO secretário Yatim exibe o kit para os agricultores

O secretário Yatim exibe o kit para os agricultores

A Secretaria Municipal de Agricultura e Abastecimento dá prosseguimento em 2011 ao Programa de Monitoramento da Fertilidade do Solo, iniciado no ano passado e que vem contribuindo para os produtores rurais na obtenção de um produto de maior qualidade, a partir da análise das condições da área de plantio e a adubação nas dosagens corretas.

De acordo com o engenheiro agrônomo da SMAA, Sérgio Pompermayer, esse serviço é disponibilizado gratuitamente aos produtores rurais e não há restrições na quantidade de amostras para análise e laudos de resultados. “Além disso, a secretaria está à disposição dos agricultores para orientação e esclarecimento de dúvidas sobre a maneira correta de coletar as amostras”, explica o engenheiro. A SMAA dispõe de folhetos explicativos, bem como disponibiliza os recipientes (saquinhos) próprios para a coleta. Contudo, o preenchimento do formulário, impresso na própria embalagem, com as informações corretas, é muito importante para o resultado final.

Por que é importante fazer a

análise do solo da propriedade agrícola?

Existe uma série de razões que justificam a realização da análise de solo. Uma das principais é a questão econômica. Com o resultado da análise em mãos e a orientação de um técnico, o agricultor consegue aplicar as doses exatas de corretivos (calcário e gesso) e fertilizantes, evitando o risco de aplicar quantidades excessivas, desperdiçando dinheiro e prejudicando o solo e a cultura (que também sofre com o excesso de nutrientes). A dose correta de nutrientes no solo produz plantas vigorosas e saudáveis. O desequilíbrio nutricional, seja por falta ou excesso de fertilizantes, torna a lavoura mais suscetível ao ataque de pragas e doenças. O uso abusivo de adubos pode provocar a salinização do solo, prejudicando a qualidade das próximas safras. Há também o risco de contaminação dos recursos hídricos, quando não há um manejo correto dos fertilizantes nas lavouras.

Já para o secretário Municipal de Agricultura e Abastecimento, os agricultores devem aproveitar essa oportunidade oferecida pela secretaria. “A análise de solo é um serviço gratuito, que traz benefícios para o bolso do agricultor, para o consumidor, que terá alimentos de boa qualidade, e para o meio ambiente, que sofrerá menos com os riscos de contaminações”, comenta Yatim.

Para mais informações sobre os procedimentos, o agricultor pode ligar para o número 4589-8581.

fotógrafos da prefeituraProdutores podem retirar o material para a coleta na SMAA

Produtores podem retirar o material para a coleta na SMAA


Por Assessoria de Imprensa

Link original: https://saladeimprensa.jundiai.sp.gov.br/2011/02/04/programa-de-analise-de-fertilidade-do-solo-continua-em-2011/


Sala de Imprensa | Desenvolvido por CIJUN
www.jundiai.sp.gov.br